O impacto da educação a distância no ensino superior: Uma análise na perspectiva dos alunos e docentes da Universidade Federal de Pernambuco

  • Anderson Gomes de Souza Centro de Estudos em Hospitalidade, Turismo e Gastronomia (CHT/UFP), Brasil
  • Rafaela Queiroz Marques Centro de Estudos em Hospitalidade, Turismo e Gastronomia (CHT/UFP), Brasil
  • Maria de Lourdes de Azevedo Barbosa Centro de Estudos em Hospitalidade, Turismo e Gastronomia (CHT/UFP), Brasil
  • Michelle Helena Kovacs Centro de Estudos em Hospitalidade, Turismo e Gastronomia (CHT/UFP), Brasil
Palabras clave: Educação a Distância, Interacionismo, Tecnologia Pedagógica

Resumen

A educação a distância – EAD – tem sido apontada por estudiosos no tema como uma alternativa válida e útil para aqueles impossibilitados de frequentar um curso presencial, seja devido a barreiras geográficas, financeiras ou de tempo. O presente trabalho buscou trazer à discussão o impacto desse novo paradigma educacional a partir da compreensão da atitude de alunos e professores em relação a esse método de ensino. Para tanto, foi necessário a realização de grupo focal, além de entrevistas pessoais com discentes e docentes da Universidade Federal de Pernambuco, sendo os dados avaliados a partir da utilização da técnica de análise de conteúdo. Como resultado, verificou-se, por um lado, que os alunos ainda desconhecem, em alguns aspectos, o funcionamento desse novo método, o que os leva a certa rejeição quanto à sua adoção por completo. Já em relação aos docentes, estes reconhecem a importância da modalidade, mas consideram que ainda são necessários debates e investimentos, a fim de que esta se torne uma metodologia eficiente.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.
Publicado
2012-01-15
Cómo citar
Gomes de Souza, A., Queiroz Marques, R., Azevedo Barbosa, M. de L. de, & Kovacs, M. H. (2012). O impacto da educação a distância no ensino superior: Uma análise na perspectiva dos alunos e docentes da Universidade Federal de Pernambuco. Revista Iberoamericana De Educación, 58(1), 1-10. https://doi.org/10.35362/rie5811461
Sección
- Educación a distancia