Discutindo as representações sociais de corpo com crianças em situação de vulnerabilidade social do município de Santa Maria-RS, segundo a formação de leis da crianza

  • Elizandra Fiorin Soares Universidade do Oeste de Santa Catarina (UNOESC), Brasil
  • Alexandre Paulo Loro Universidade Federal de Santa Maria-RS, Brasil

Resumen

Trata-se de um trabalho desenvolvido na Instituição "Recanto da Esperança" no município de Santa Maria- RS. Foram proporcionadas vivências relacionadas à cultura corporal de movimentos através das aulas de Educação Física a um grupo de crianças. Muitas reflexões desafiadoras apresentaram-se, influenciando na construção das representações de corpo, acumulando suas experiências, repletas de significados, incorporada e exteriorizada pela expressão corporal, principalmente pela falta de aplicabilidade das leis constitucionais. A metodologia utilizada, qualitativa de cunho participativo, teve como instrumento de pesquisa a observação simples. Os aspectos referentes ao estudo, descritos em diário de campo, revelam comportamentos, condutas, falas, conversas informais e expressões, admitindo que esses possam representar a realidade vivida. As categorias levantadas permitiram-nos analisar as representações de corpo, expressa às vezes de forma variada e contraditória. Existem diferentes maneiras de ver e dar sentido ao mundo pelos significados expressos nas representações. Estabelecendo classificações, valores, normas, comportamentos e papéis sociais.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.
Publicado
2006-06-10
Cómo citar
Fiorin Soares, E., & Loro, A. P. (2006). Discutindo as representações sociais de corpo com crianças em situação de vulnerabilidade social do município de Santa Maria-RS, segundo a formação de leis da crianza. Revista Iberoamericana De Educación, 39(1), 1-11. https://doi.org/10.35362/rie3912594
Sección
- Educación física