As concepções/crenças de profesores e o desenvolvimento profissional: uma perspectiva autobiográfica

  • Maria da Glória Soares Barbosa Lima Universidade Federal do Piauí, Brasil

Resumen

Estudos sobre concepções, crenças e pensamentos dos professores evidenciam que estes assumem grande importância quando voltadas para compreender e explicar mecanismos relativos ao controle do saber, isto é, do conhecimento. Assim, o presente trabalho descreve e analisa as concepções/crenças dos professores como significativos construtos para a compreensão do processo de formação e do processo de desenvolvimento profissional docente. Trata-se de uma pesquisa de caráter qualitativo, segundo o Paradigma do Pensamento do Professor, utilizando o método (auto)biográfico/história de vida, como princípio teórico-metodológico de base, conforme Nóvoa (1988; 1995); Nóvoa e Finger (1988), dentre outros. Para tanto, envolveu dez sujeitos, todos professores de Língua Portuguesa do Ensino Médio. Os dados organizados e analisados foram recolhidos por meio de dois instrumentos: Memorial de Formação e Entrevistas Autobiográficas de Formação, resultantes de reflexões retrospectivas e prospectivas dos sujeitos do estudo. A partir da análise desses dados, apreendemos as concepções/crenças dos interlocutores e configuramos a evolução dos seus conhecimentos profissionais por meio de questões da prática, por meio de estudos e por meio de traços significativos evidenciados pelo grupo investigado. Desse modo, o estudo permite compreender que os professores-interlocutores revelam que suas concepções/crenças se constroem e são ressignificadas, particularmente, no contexto da prática docente cotidiana, configurando, que essa percepção, desse modo, sinaliza o avanço de seu processo de desenvolvimento profissional docente.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.
Publicado
2007-09-10
Cómo citar
Soares Barbosa Lima, M. da G. (2007). As concepções/crenças de profesores e o desenvolvimento profissional: uma perspectiva autobiográfica. Revista Iberoamericana De Educación, 43(7), 1-8. Recuperado a partir de https://rieoei.org/RIE/article/view/2292
Sección
- Profesión docente