A educação ambiental, estudo e intervenção do meio

  • Maria Gizelda de Oliveira Tavares Universidade Federal de Goiás (UFG), Brasil
  • Eliecilia de Fátima Martins Universidade Federal de Goiás (UFG), Brasil
  • Gislene Margaret Avelar Guimarães Universidade Federal de Goiás (UFG), Brasil

Resumen

O trabalho avalia uma modalidade de formação em Educação Ambiental, desenvolvida com alunos da disciplina Química Ambiental, na qual esses puderam vivenciar os problemas ambientais existentes em escolas públicas municipais de ensino fundamental da periferia de Goiânia. É uma modalidade que permite ao aluno, a partir do estudo e análise da realidade ambiental, da elaboração de proposta de intervenção pedagógica e o seu desenvolvimento, perceber a complexidade social, política e econômica de um espaço, oferecendo-lhes condições efetivas para a compreensão da relação teoria/prática e para o estabelecimento de diretrizes para a EA. A partir de discussões sobre fome, moradia em área de risco, degradação de recursos hídricos e reservas ecológicas, higiene, os alunos reconstruíram valores sobre a relação ser humano/ambiente.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Citas

BARRETO, E. S. et. alii. Os currículos do Ensino Fundamental para as escolas brasileiras. São Paulo: Autores Associados/FCC, 1998. (Coleção Formação de Professores).

GUIMARÃES, Mauro. A dimensão ambiental na educação. Campinas, SP: Papirus, 1995 (coleção Magistério: Formação e Trabalho Pedagógico).

KOFF, E. D. ; LIPOVETSKY, N. Educação Ambiental e o Ensino de Ciências: alguns pontos. Goiânia: Secretaria Municipal de Educação, 1996. p. 16.

MEC. Secretaria de Educação Formal. Parâmetros Curriculares Nacionais. V. 9, Meio Ambiente e Saúde, Brasília: 1997.

MEC/SEMAM/IBAMA. Educação Ambiental: Projeto de divulgação de informações sobre educação ambiental. Brasília: 1991.

OKUDA, M. Y. et alii. Programa Curricular Mínimo para o Ensino para o Ensino Fundamental : Ciências – 1a. a 8a. séries. Goiânia: Secretaria de Estado da Educação de Goiás, 1990.

PMSP. Secretaria Municipal de Educação – DOT. Estudos do meio e outras saídas para o ensino noturno: teoria e prática. Cadernos de formação, Série: Construindo a educação do jovem e adulto trabalhador. São Paulo: DOT/EDA 1992.

RADESPIEL, M. Temas Transversais: Oficina 1. Meio Ambiente, 1998. p.24-25.

SAVIANI, Demerval. Escola e Democracia. 11 ed. São Paulo: Cortez, 1986.
Publicado
2003-05-22
Cómo citar
Tavares, M. G. de O., Martins, E. de F., & Guimarães, G. M. A. (2003). A educação ambiental, estudo e intervenção do meio. Revista Iberoamericana De Educación, 33(3), 1-10. https://doi.org/10.35362/rie3333562
Sección
Artículos del especial