Qualidade na educação na perspectiva da inclusão

  • Bruna Pereira Alves Fiorin
  • Sílvia Maria de Oliveira Pavão
Palabras clave: qualidade, deficiência, educação, inclusão

Resumen

O artigo tem por objetivo conhecer os conceitos recorrentes de qualidade na educação para estabelecer relações com os preceitos de uma educação inclusiva. Partiu-se dos dados coletados com uma enquete direcionada a professores, cujos resultados foram tratados por meio da análise de conteúdo. Salientou-se conceitos e diferentes concepções sobre qualidade, relacionando-as com a inclusão educacional de pessoas com deficiência. Conclui-se esse estudo ressaltando que a qualidade na educação, por não ser influenciada por um único fator, está relacionada às melhorias na vida de todas as pessoas, e que, para efetivar a inclusão educacional, a intervenção do fator humano é imprescindível.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor/a

Sílvia Maria de Oliveira Pavão
Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Brasil.  

Citas

ALVES, Fátima. (2007). Qualidade da educação fundamental: integrando desempenho e fluxo escolar. Ensaio: aval.pol.públ.Educ., Rio de Janeiro, v. 15, n. 57. Disponível em: .

BARDIN, Laurence. (2011). Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70.

BRASIL (2013). Ministério da Educação. Documento orientador programa incluir - na Educação Superior. SECADI/SESu. Disponível: .

BRASIL (2004). Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Decreto Nº 5.296, de 02 de dezembro de 2004. Disponível em: .

BRASIL (1996). Ministério da Educação. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Disponível em: .

BRASIL (2008). Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Documento elaborado pelo Grupo de Trabalho nomeado pela Portaria Ministerial nº555, de 5 de junho de 2007. Brasília, DF, 2008. Disponível em: .

BRASIL (2010). Ministério da Educação. Secretaria de Educação Especial. Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Documento elaborado pelo Grupo de Trabalho nomeado pela Portaria Ministerial nº555, de 5 de junho de 2007. In: Marcos Políticos-Legais da Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Brasília: Secretaria de Educação Especial.

BRASIL (2015). Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015. Institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). 2015. Disponível em: .

DOURADO, Luiz Fernandes. (2007). Políticas e Gestão da Educação Básica no Brasil: limites e perspectivas. Educ. Soc., Campinas, vol. 28, n. 100 - Especial, p. 921-946. Disponível em: .

DOURADO, Luiz Fernandes; OLIVEIRA, João Ferreira de. (2009) A qualidade da educação: perspectivas e desafios. Caderno Cedes, Campinas, vol. 29, n. 78, p. 201-215. Disponível em: .

DRUGG, Katia Issa; ORTIZ, Dayse Domene. (1994). O desafio da educação: a qualidade total. São Paulo: Makron Books.

GADOTTI, Moacir. (2013) Qualidade na educação: uma nova abordagem. In: Congresso de Educação Básica: qualidade na aprendizagem. Florianópolis. Anais..., Florianópolis: Rede Municipal de Ensino de Florianópolis, 2013. p. 1-18.

NARDI, Elton Luiz; SCHNEIDER, Marilda Pasqual; RIOS, Mônica Piccione Gomes. (2014). Qualidade na Educação Básica: ações e estratégias dinamizadoras. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 39, n. 2, p. 359-390. Disponível em: .

NETTO, Carla; OLIVEIRA, Adriana Rivoire Menelli de. (2011). Equidade e Qualidade na Educação Superior no Brasil: o acesso por meio da Educação a Distância. Revista Educação por Escrito – PUCRS, v. 2, n. 1. Disponível em: .

PLETSCH, Márcia Denise. (2011). A dialética da inclusão/exclusão nas políticas educacionais para pessoas com deficiências: um balanço do governo Lula (2003-2010). Revista Teias, v. 12, n. 24, p. 39-55. Disponível em: .

PINSONNEAULT, Alain. KRAEMER, Kevin L. (1993). Levantamento metodologia de pesquisa em sistemas de informação de gestão: uma avaliação. Jornal de Sistemas de Gestão da Informação, v.10, n.2. p.75-105. Disponível em: .

SANTOS, Ligia Pereira dos Santos; SOUSA, Robson Pequeno. (2011). Novas tecnologias e pessoas com deficiências: a informática na construção da sociedade inclusiva? SOUSA, Robson Pequeno de; MOITA, Filomena M. G. da S. C.; CARVALHO, Ana Beatriz Gomes (Orgs.). Tecnologias digitais na educação. Campina Grande: EDUEPB.

SILVA, Ana Maria Costa e. (2000). A formação contínua de professores: uma reflexão sobre as práticas e as práticas de reflexão em formação. Educação & Sociedade, ano XXI, n. 72, p. 89-109. Disponível em: .

UNESCO. (1990). Declaração Mundial sobre Educação para Todos: satisfação das necessidades básicas de aprendizagem, Jomtien. Disponível em: .
Publicado
2016-07-15
Cómo citar
Pereira Alves Fiorin, B., & de Oliveira Pavão, S. M. (2016). Qualidade na educação na perspectiva da inclusão. Revista Iberoamericana De Educación, 71(2). Recuperado a partir de https://rieoei.org/RIE/article/view/20
Sección
Artículos del especial